quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Estupidez, edição. Grande diferença.

Os jornalistas que me perdoem, mas eu não confio neles.

Aquela história de defender a verdade e ser imparcial que se aprende no primeiro ano do curso de jornalismo (eu fiz uma matéria de jornalismo na faculdade, por isso eu sei o que estou falando) é muito bonita no papel. Mas na hora de botar em prática, a coisa não é bem assim. Aliás, é completamente diferente.

Como publicitário, eu procuro sempre utilizar dos argumentos que me apetecem pra conseguir audiência. Afinal, quanto maior a quantidade de pessoas que recebem a minha mensagem, maior a chance de eu conseguir aumentar vendas. É assim que funciona em publicidade.

Mas o jornalismo, que deveria vender a verdade, acaba se utilizando da mesma política dos publicitários.

O vídeo abaixo é uma matéria que o apresentador Marcos Piangers (muito conhecido em Floripa) fez em Porto Alegre com a intenção de chamar os brasileiros de burros.



Pois bem. Olhando a matéria, chega a ser convincente que o povo não sabe nada sobre nada, que é absurdo, coisa e tal. Bem, eu não me convenci disso. Edição é uma ferramenta poderosa nas mãos das pessoas erradas (nossa, soei igual os mestres dos super heróis). Eles fazem neguinho chamar Jesus de Genésio.

Eu não assisti o material bruto dessa matéria, logicamente. Mas fica difícil acreditar que, de tantas pessoas que o Piangers deve ter entrevistado, só um cara sabia todas as respostas. Isso sim é brincar com a inteligência do povo.

25 Comentários:

Bárbara disse...

O que leva um jornalista a conduzir uma matéria desse tipo eu nunca vou entender. Falta de ter o que falar talvez.
É triste ver um brasileiro tentando desmoralizar outros brasileiros. Ok, as perguntas eram ridiculas, uma porrada de gente errou, mas quantas acertaram?
Isso me lembra aquele video em que os americanos são testados sobre geografia.

Plínio disse...

ae senhor sobrancelha bizarra! hauhau...
concordo contigo...

eu trabalhei com edição numa produtora.. e é assim mesmo q funciona!

imparcialidade é igual enterro de anão... a gente sabe que existe, mas nunca vê acontecer!

todo jornalista, mesmo q sem querer... mostra oq ele acredita... e eu tb sei do que to falando, pq faço publicidade e tenho diversas aulas junto com jornalismo

é isso!

Felipe Marcato disse...

Eu não acredito nisso mew, parece que foi combinado, eh duro acreditar q existe gente assim, mesmo q a edição tenha privilegiado o ponto de vista dele, ainda sim eu nao consigo acreditar nessa matéria.

Quer mudar? Comece por você! disse...

Olá!!!
Muito bom o texto hein!
Cada um sempre mostra o que lhe convém e o que é interessente para si.
Qdo tiver um tempinho entra no meu blog, destaquei seu blog lá.
beijos

kikinhah disse...

Nossa acredito que seja edição mesmo, apesar que sabemos muito bem que muitos não tem conhecimentos, dependendo das pessoas escolhidas se forem desprovidos de estudo e cultura, não é muito difícil não...
Vai saber né?
Eu ri alto qd o cara disse q tinha lilás na mandeira brasileira.
hahaha
Obrigada pela visita xuxu!
BjOs

kikinhah disse...

Ops Errei ali em cima na hora de digitar*
"Bandeira"

Doug T. Ferrante disse...

Não passa de uma cópia barata do original americano!

Mas que foi engraçado foi, mesmo eles editando só quem errou! heheh
abraço !!!!!!


http://dougferrante.blogspot.com/

Vini e Carol disse...

Tuuuuuuuudo em busca da audiência, meu querido!

Nós, os telespectadores, somos apenas reféns das informações deles, sejam elas certas ou erradas.
Cabe a nós acreditar ou não, e tirar nossas próprias conclusões sobre o tema relacionado.

O pessoal esquece que o que vale é a qualidade, a verdade, e acabam fazendo isso.

O vídeo está carregando, assim que carregar e eu ver, comentarei sobre ele.

Abraaaaço.

Vini e Carol disse...

Então cara, sobre o vídeo em si, acho que foi mais uma brincadeira dos caras.
Pô, mas nosso povo é burro mesmo hein! Caraca.
As pessoas não sabem nem quantas cores tem nossa bandeira, isso é lamentável!
Por mais que eles procurem audiência mostrando essa reportagem, é mais triste ver a falta de inteligência do nosso povo..

Abraço.

RAYRA disse...

Jesus de Genéseio, Urubu de "meu loiro"... edição é mesmo uma ferramenta poderosa, tão poderosa que poderia até mesmo diminuir o tamanho e a feiura do nariz grotesco e cheio de cravos do Piangers. E sem mais delongas, brasileiro burro mesmo, são os contratantes desse cara q tem o nariz tão feio quanto a bruxa malvada do oeste. Edição e auxílio estético no nariz do Piangers!!!!


E o Brasil agradece!

Hikari disse...

Opa muito bom os seus videos parabens!

Isso q eles vizeram nessa matéria é oq igrejas e curandeiros mais fazem. Juntam uma legião de seguidores e pegam 2 ou 3 q tiveram sucesso pra colocar no palco e aplaudir.

Claro q naum vou cobrar metodologia científica, isso foi só uma brincadeira, mas como vc disse eles pegam os casos mais convenientes, escolhidos a dedo, e escondem toda a maioria. E no final ainda colocam 1 caso q respondeu tudo, mas pra ridicularizar mais ainda os mostrados anteriormente.

Agora o foda mesmo é ele com o papel na mão lendo. Se nem decorar as perguntas ele conseguiu, vai querer q a gente acredite q ele sabia todas as respostas e naum pesquisou antes? :P

De todas a única difícil é o do Neil, o resto o povo responde errado pelo nervosismo de ver um cara com mic na mão e um câmera filmando. Com certeza ele chegou de supetão já perguntando, em vez de se apresentar, preparar tudo e deixar o entrevistado mais relaxado.

Felipe Marcato disse...

Putz cara indiquei vc pra um selo mas vi q vc ja tem ele haeiohaeiohoiae
de qualquer forma, seu blog acerta em cheio 2 vzs então

SERJAO_O_MARMANJJUS disse...

pasmo!
o cara saber que as cores da bandeira são 4 isso é de menos.
o pior mesmo foi ele dizer que é lilás e pink,
vai ser burro assim lá na ponte que partiu,

e o outro, quantos rins tem o ser humano só ele mesmo não sabe que é 2.

essa iniciativa leva a crer que o brasileiro não é burro,
é desinformado.
agora pergunta pra esse mesmo povo aí, qual o nome da ultima novela das 8 na globo.
com certeza todo mundo dá o elenco inteiro com nome e sebrenome.

Cynthia Kremer disse...

Seu post está sensacional. Concordo com você!
Abraço,
Cynthia

Cynthia Kremer disse...

agora me diz uma coisa, Gabriel..como é que voc~e fez para colocar essa nuvem de tags no seu blog? eu sei que é em flash,já tentei colocar no meu, mas sem sucesso :(

Ketrin Sippel disse...

Boa tarde!
Concordo contigo.Eu acho uma vergonha um profissional fazer isso.
Acho que os profissionais da área do jornalismo deveriam ser imparcial quando apresenta e expões o assunto a populção,mas não é assim.,podemos ver isso claramente nas transmissões de futebol.
Parabéns pelo post,está perfeito.
Abraços e tenha um ótimo fim de semana.

B. disse...

Nossa Gabriel, vc sempre lidando com essas polêmicaas kkkkk
Mas é muito interessante esse vídeo, e p mim isso deve ter sido tudo armação, p quereer menosprezar nós brasileiros ¬¬'
aheuhauehuahue

muito boom, eu pretendo fazer Jornalismo, mas espero q n me torne uma Marcos Piangers da vidaa! kkkk


Tem post novo no meu blog:

http://pequenab.blogspot.com/

Rafael Watanabe disse...

Hum, vamos ao comentário.
Em primeiro lugar, gostaria de agradecer - e muito - pelo seu comentário la no meu blog, e pelo selo. Fiquei muito agradecido (e te agradeci mais especificamente na NP de hoje /ta lá no blog). Em segundo lugar: gente, você é publicitário! Eu faço faculdade de PP, cara *-* Depois dessa, fico ainda mais agradecido. hehe
Bom, eu não sou do tipo que julga o todo, sem conhecer. Mas, tbm não gosto de trabalhos como esse, do video. Claro, sei que existem jornalismo decente, com materias legais e informativas (como o caso de um programa que eu gosto muito, que deve conhecer, chamado Lugar Incomun), porém esse video é um exemplo classico de... nem sei como falar. Sabe, o problema nem é tanto (porque, na verdade, ainda assim é) o fato de querer ir buscar audiencia com abordagens expositivas (que no caso já é clichê), mas sim que, nesse video em questão, o cara quer mostrar o que? Que a nação em que ele vive é burra? Licença, mas ele pode fazer isso de outra forma sem ridicularizar algumas pessoas. Eu fico meio nervoso e acabo me enrolando, então meu comentario deve estar meio sem-pé-nem-cabeça. De qualquer maneira, to seguindo seu blog, e vou passar aqui sempre que puder. Boa noite ai, e parabens O/

Meu estranho mundinho Insano disse...

A imparcialidade é algo praticamente utópico. Jornalistas podem tentar e tentar mas jamais conseguirão produzir um texto totalmente neutro. Pode-se até haver imparcialidade na intenção, mas não na produção. E esse não é um mal apenas jornalístico, é um mal humano. Seja pelas palavras que inconscientemente se usa, seja pelo tom da notícia, ou até mesmo pela seu posicionamento no meio em que é exibido, todos são tedenciosos.
Logicamente utilizar-se disso para benefício próprio vai totalmente contra os ideais da ética no jornalismo, e uma vez que se utiliza de artimanhas para se conseguir algo, o jornalista, como profissional perde total credibilidade.
Ano que vem eu pretendo estar iniciando minha faculdade de jornalismo, e sei que muito em breve estarão lendo o que escrevo por aí a fora. Serei imparcial? Não totalmente, ninguém o é. Mas também não terei minha opinião vendida ou serei inescrupuloso ao ponto de manipular a informação. Afinal, um jornalista de verdade, compromissado com seus leitores de modo algum se utilizaria de tais métodos.

Visitem-me: http://meuestranhomundinho.blogspot.com/

LK Chaves disse...

Bom... Discordo e concordo com você! Claro que eles vão editar de modo que ajude no ibope. Porém, eu sou professora e sinto informar, as pessoas não se informam de nada mesmo. Ensino em uma faculdade particular (que não vou citar nomes) e meus alunos não saberiam responder essas perguntas, não por serem burras (não acredito em pessoas burras), mas pelos simples fato de não valorizarem o conhecimento. É vergonhoso e triste, mas pouquíssimas são as pessoas que gostam de ler, mas atualizam o orkut toda semana! É triste, mas é verdade! As pessoas têm preguiça de pensar, FATO!

Bjinhos!
http://chat-bar.blogspot.com

Obs.: Posso colocar esse vídeo no meu blog, fazendo referência ao seu post?!

Bersebah disse...

"Gosto de laranja. Odeio verde, mas meu blog é verde pra combinar com a vaca, que eu achei simpática e não tem significado nenhum"

Adorei essa comica descrição.

Realmente...a vaca é bastante simpatica, e tem relevancia, imagino eu, com a representação de ideias que o blog procura passar.

Hum...realmente...apenas edição explicaria o fato das pessoas...responderem coisas tão absurdas, a perguntas tãaao simples.
Todavia, ao menos, soou engraçado ver isso.

Quanto a verdade...quem procura acha, e como uma moeda de ouro, achar a verdade plena(ou seja, diferente de uma meia verdade) não é nada facil, pois claro, imagino que há muito da noticia, que...não seja conveniente se mostrar, digamos.

Todavia...o comentário acima, é no minimo intrigante...apesar, de não ter conhecido pessoas assim até hoje, com tal ignorancia a respeito de fatos tão simples, e obvios.

É a vida...!

Um abraço camarada, e parábens pelo seu blog, curti bastante o espaço.
Apenas daria mais cor ao fundo geral, e o de conteudos, pois em minha opinião deixaria o blog mais...profundo, personalizado, com mais vida.

Visite me quando puder!

kikinhah disse...

Gabrielzito, atualiza aí!!!
Quero post novo pra comentar. :P
Obrigada pela visita e comentário.
BjOs

SERJAO_O_MARMANJJUS disse...

fala parceiro. estou passando só pra dizer que to na área esperando novidades.

Lee disse...

Eu ri demais com esse vídeo. kkkkk! Concordo com o lance da edição e tal, mas não nego q é engraçado.

Lih...Amarante disse...

O vídeo ñ consegui ver aqui no trabalho - acredite eles censuram a comunicação! rs

Sou jornalista (detalhe: com diploma - grande bosta) e sei bem do poder de uma edição...

Lula x Collor no período eleitoral que o diga!
É um exemplo clássico!

Achômetro © 2008. Template by Dicas Blogger.

TOPO